24 de julho de 2024

Nova Ponte Sérgio Arruda está com 90% das obras concluídas

Prefeito Antônio Furlan pretende inaugurar a maior obra de mobilidade urbana de Macapá no dia 15/03; acompanhe a quarta matéria do EDnews-portal de notícias da série “Nova Sérgio Arruda, Nova Macapá”.
Imagem: UNIFAP / Divulgação
Imagem: UNIFAP / Divulgação

Por 20 anos, a Ponte Sérgio Arruda ganhou o indigesto status de “maior lombada do mundo”, uma maneira descontraída que a população, principalmente da Zona Norte de Macapá, encontrou para conviver com uma estrutura considerada insuficiente para atender as demandas de uma metrópole que a capital do Amapá está se tornando.

As duas décadas de piadas e até de interferências do Ministério Público para reparos na ponte, já estão a ficar para trás com a nova e moderna estrutura que será entregue à população no próximo dia 15 pela Prefeitura de Macapá.

Direito de ir e vir garantido e respeitado

Últimos preparos estão sendo feitos na nova Ponte Sérgio Arruda; PMM vai entregar a obra à população no próximo dia 15. Foto: Merlin Pires/PMM
Últimos preparos estão sendo feitos na nova Ponte Sérgio Arruda; PMM vai entregar a obra à população no próximo dia 15. Foto: Merlin Pires/PMM

Uma obra com área total de 10 mil metros quadrados com seis vias – incluindo uma ciclovia – sextuplicando a capacidade anterior que, sentido Zona Norte, era feita pela antiga ponte e sentido Centro através de uma via paralela à já demolida edificação. Entre as quatro vias, uma será exclusiva para o transporte coletivo.

As obras foram orçadas ao custo de R$ 10 milhões, entre contrapartidas do poder público municipal e emendas federais. O entorno da nova Ponte Sérgio Arruda, que é a maior obra de mobilidade urbana de Macapá, também está sendo modernizado para propiciar mais segurança, conforto e lazer para a população macapaense.

A nova rotatória, no lugar que era um descampado antes de chegar à velha ponte, também está sendo preparada para ser entregue com elementos paisagísticos que representam a cidade. Com a nova ponte inaugurada, as aproximadamente 120 mil pessoas que estão distribuídas em mais de 20 bairros da Zona Norte, além, claro, de toda a capital, ganharão um empreendimento moderno que contribuirá principalmente no direito sagrado do ir e vir, literalmente os primeiros passos para o progresso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política de Privacidade

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar o conteúdo. Mais detalhes na Política de Cookies em nossa Política de Privacidade.