25 de julho de 2024

Provado para ser Aprovado – por Edinho Duarte

Pare para pensar! Quem nunca enfrentou alguma situação muito difícil, mas que trouxe um grande aprendizado para a vida?

Pare para pensar! Quem nunca enfrentou alguma situação muito difícil, mas que trouxe um grande aprendizado para a vida?

Todos nós gostaríamos de ter uma vida tranquila, sem grandes problemas, sem provações, mas no decorrer da vida aprendemos que é impossível ter uma experiência existencial sem aflições. Mesmo caminhando com retidão e agindo segundo o Divino Modelo Cristão, não estamos livres das provações e aflições da vida, porque elas servem para promover a nossa edificação espiritual.

É claro que caminhando com o mestre Jesus ao nosso lado, temos a garantia de conforto e vitória. Muitas lutas e adversidades que passamos em nossas vidas, são provações que Deus permite para nos moldar. Mas quando Deus nos permite passar por uma prova é para nos aprovar; e não para nos reprovar.

A Bíblia, no antigo e no novo testamento, está cheia de passagens sobre as provas da vida. Basta observar o que está escrito em Isaías 43:1-2 e 2 Coríntios 4:17: “…as provas não são para nos derrubar, mas para nos edificar”. O profeta Isaías nos ensina algumas coisas que devemos sempre lembrar, quando passarmos por um período de grandes lutas, quando passarmos por uma “prova de fogo”. A questão não é se vamos passar por dificuldades, a questão é se permaneceremos firmes – em pé, depois que as lutas passarem.

Em 2 Coríntios 4, o Apóstolo Paulo procura nos ajudar a ver o contexto mais amplo de nossas tribulações: “…pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória eterna que pesa mais do que todos eles”.

O sofrimento é um meio que Deus usa para nos fazer crescer na fé. O apóstolo Pedro diz que o sofrimento é comparado à ação do fogo, como um elemento purificador, um elemento que torna o objeto aprovado, aperfeiçoado, confirmado. Deus usa o sofrimento para nos refinar. E às vezes, para isso, somos colocados numa bigorna.

Mas Deus nos ajuda em nosso sofrimento. Isso não significa que Deus irá acabar com o sofrimento, mas que nos criou dotados de força e recursos para enfrentá-lo. A capacidade de perseverar é um desses dons divinos que contribuem para nos tornarmos pessoas melhores, e não nos deixarmos destruir pela dor.

Gosto muito de uma frase da Literatura Espírita que diz o seguinte: “o mal é um bem, mal interpretado”.

Pense Nisso!

Por: Edinho Duarte – Jornalista e pedagogo

Uma resposta

  1. São valores que o ser humano deve preservar, a palavra da Bíblia é imultavel, cada um de nós temos que construir nosso templo interior e dar graça ao Senhor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política de Privacidade

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar o conteúdo. Mais detalhes na Política de Cookies em nossa Política de Privacidade.