23 de julho de 2024

Vamos falar sobre pós-graduação? – por Darllen Rocha

Oi, Pessoal!! Hoje eu quero falar com vocês sobre a importância da Pós-Graduação para quem deseja uma carreira consolidada.
Foto: Envato Elements
Foto: Envato Elements

Oi, Pessoal!! Hoje eu quero falar com vocês sobre a importância da Pós-Graduação para quem deseja uma carreira consolidada. Os cursos de Pós-Graduação se dividem em Lato Sensu e Stricto Sensu, sendo que as especializações estão incluídas no primeiro grupo, e o Mestrado e Doutorado são os cursos Stricto Sensu.

Fazer uma Especialização, Mestrado ou Doutorado permite que você potencialize sua qualificação, pois traz mais conhecimento técnico para formar um profissional com visão aprofundada da área em que atua. Além do mais, financeiramente falando, confere maiores ganhos salariais. Recentemente, por exemplo, foi publicado o edital para o concurso de professor efetivo de uma das instituições públicas de nosso Estado e se você observar, as vagas são para professores com Especialização, Mestrado e Doutorado. O salário inicial para especialista é de aproximadamente R$ 7.600,00 mestre recebe em torno de R$ 10.000,00 e doutores quase R$14.000,00! Nada mal, não é? Mas não há vagas para graduados, lembre-se disso!

É evidente que em se tratando de professores, os salários deveriam ser ainda melhores, mas precisamos considerar que ainda são números atrativos para quem se dedica aos estudos e ao aperfeiçoamento constante. O que eu quero dizer para você com tudo isso, é que não se pode perder tempo, é preciso qualificação constante e os cursos de Pós-Graduação são um meio para isso. O que percebo em muitos casos, especialmente na área da educação, é que uma boa parte dos profissionais se contenta com a formação inicial, ou seja, a graduação, e com isso, ficam reféns de uma situação econômica caótica, sem perspectiva de crescimento.

Uma reportagem recente de O Globo, mostrou aumento no número de alunos de Pós-Graduação, totalizando 122.295 alunos. É um dado positivo, mas na mesma reportagem, observa-se a distribuição desigual por região, sendo o Norte o que possui menor contingente, com 228 doutorandos e 1.507 mestrandos, segundo o artigo. Observa-se, então, que é preciso investir na mentalidade do profissional pesquisador, e na opinião dessa colunista, isso deve ocorrer desde a graduação.

Está pensando no que acabei de falar, então aproveita que o Programa de Pós-Graduação em Educação da UNIFAP abriu vagas para o Mestrado. Aproveite esta oportunidade! E se você não sabe por onde começar, me chama no whatsapp (96 99147-8472) que eu te ajudo a conseguir uma vaga!

Até mais!!!

EDacademia por Darllen Rocha

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política de Privacidade

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar o conteúdo. Mais detalhes na Política de Cookies em nossa Política de Privacidade.