23 de julho de 2024

Os loopings da nossa montanha-russa – por Patrícia Ferraz

Ao acordar e dormir você entrega o seu dia nas mãos daquele que sabe e vê o seu fim?
Cada Cicatriz um Testemunho | Os loopings da nossa montanha-russa - por Patrícia Ferraz
Cada Cicatriz um Testemunho | Os loopings da nossa montanha-russa - por Patrícia Ferraz

A vida pode ser comparada a uma montanha-russa cheia de loopings, formadas por altos e baixos, curvas, desvios, gritos, gargalhadas, medos, adrenalina, sensação de felicidade, um querer mais, ou não. Mas, nesta jornada da vida, você pode começar seu dia, sua semana, seu curso, seu trabalho e seu planejamento de um jeito, com uma certa expectativa, e terminar de uma forma inesperada. Ou, ainda, conforme planejou, porque neste jogo você não consegue ver o fim. Pode supor, pensar, imaginar, mas ver não. O fim dependerá de tudo que você semeia, planta, rega e colhe, porém, é impossível você colher maçã se você planta melancia, uma parábola bem banal para te levar a raciocinar sobre o que você vem plantando para o fim da sua jornada chamada vida.

Deus é seu sócio? Ao acordar e dormir você entrega o seu dia nas mãos daquele que sabe e vê o seu fim? Tenho raciocinado muito, nos últimos dias, sobre o que Deus permite acontecer nas nossas vidas para que possamos aprender, evoluir, amadurecer e chegar ao fim da jornada de forma plena. Ele sabe onde você vai errar ou acertar. Ele permitiu que Jó sofresse na carne e na alma infinitas dores para que, ao final, pudesse não só ter a benção dobrada, mas, também, para a glorificação de seu Santo Nome…

Jesus não divide a Sua glória!

O que Deus tem permitido você passar para te ensinar a seguir princípios, evoluir e ser um ser humano de verdade? Por muitas vezes, pensamos que estamos prontos, aí vem alguém ou algo e mexe conosco, com nossas estruturas psicológicas e simplesmente percebemos que nossa essência não mudou. Primeira lição que devemos aprender: não murmurar quando estivermos passando por provocações ou provações. Em tudo dai graça, Deus me deu, Deus tomou. E bendito seja o nome do Senhor, a Ele a honra, a Ele a glória, assim eu penso.

Segunda lição: essa eu sofri para aprender, pois somente pessoas menores que você pode te desqualificar. Portanto, não se iguale, pessoas de nível maior falam de negócios e de ideias, pessoas de nível menor falam tão e simplesmente de pessoas. Não sofra por pessoas, saiba lidar com elas. Talvez este seja um dos maiores ensinamentos que Deus nos deu que é exatamente lidar com pessoas. Atente para isso: amar o amigo é fácil, quero ver amar o inimigo.

Entendo que nosso propósito envolve pessoas, e o que transbordamos na vida delas, mas, para tanto, precisamos ser especialistas em pessoas que são intimas, necessárias e passageiras e entendermos todas as nossas formas de amar e conviver. Não deixe que as tribulações da sua vida, ou que as atitudes de outros, te desviem da plenitude de viver com Deus. Celebre suas conquistas, compare as benções, transborde amor, pois o que te define não é seu passado, não é o que falam, mas o que você faz hoje para viver a eternidade com paz e prosperidade. Lembre se: os loopings passam rápido demais.

Eu profetizo a você uma semana de equilíbrio, de amor, saúde e muita paz!

Cada Cicatriz um Testemunho – por Patrícia Ferraz

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política de Privacidade

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar o conteúdo. Mais detalhes na Política de Cookies em nossa Política de Privacidade.