23 de julho de 2024

Tartarugalzinho, no Amapá, ganhará campus do Instituto Federal – IFAP

Governo Federal anuncia a sexta unidade de um IF no Amapá. Município está contemplado no Novo PAC, que investirá R$ 3,9 bi na construção de 100 novos IFs e na melhoria da infraestrutura dos já existentes.

Em evento no Palácio do Planalto, o presidente Luíz Inácio Lula da Silva anunciou, na manhã desta terça-feira (12), que o município de Tartarugalzinho, de 13 mil habitantes e distante 230 km da capital Macapá, terá um campus do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFs).

Os recursos serão disponibilizados através do Novo Programa de Aceleração do Crescimento (Novo PAC). No Amapá, existem cinco unidades do instituto, em Macapá, Porto Grande, Oiapoque, Laranjal do Jari, e Santana. Além do Centro de Referência de Pedra Branca.

Foto: Jorge Júnior/Rede Amazônica
Foto: Jorge Júnior/Rede Amazônica

O Governo Federal pretende construir mais 100 institutos federais, especializados na educação profissional e tecnológica, oferecendo também educação básica e superior. Os cursos oferecidos nas unidades são gratuitos.

O investimento total do Novo PAC referente aos IFs é de R$ 3,9 bilhões, divididos em R$ 2,5 bilhões para a construção efetiva de novos campus e R$ 1,4 bilhões para realizar melhorias estruturais como a construção de refeitórios estudantis, ginásios, bibliotecas, salas de aula e aquisição de equipamentos.

Tartarugalzinho será o sexto município do Amapá que terá um Instituto Federal. (Foto ilustrativa). Foto: Luis Fortes/MEC
Tartarugalzinho será o sexto município do Amapá que terá um Instituto Federal. (Foto ilustrativa). Foto: Luis Fortes/MEC

ESTADOS E REGIÕES — O Nordeste é a região que receberá o maior número de novos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia nesta fase de expansão. Nos nove estados serão construídos 38. O Sudeste, com 27 novos campus, aparece na sequência, seguido da região Sul, com 13; do Norte, com 12; e do Centro-Oeste, com 10.

A GÊNESE DOS INSTITUTOS FEDERAIS – em ternos proporcionais, poucas unidades (140) de escolas técnicas existiam no Brasil até o ano de 2002. No segundo mandato do então presidente Lula, em 2008, houve a sanção da Lei nº 11.892 permitindo a construção de 38 IFs.

Foram criados 422 campus entre os anos de 2005 e 2016, sendo 214 entre 2005 e 2010, além de 208 entre 2011 e 2016. Nesse período, também foram entregues ou incorporadas à Rede Federal de ensino outras 92 unidades. Atualmente, são 682 unidades e mais de 1,5 milhão de matrículas. Com os novos 100 campus, a Rede passará a contar com 782 unidades, sendo 702 IFs.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política de Privacidade

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar o conteúdo. Mais detalhes na Política de Cookies em nossa Política de Privacidade.